Fotos recolhidas da net

Play Rádio saudade

Web Rádio "Saudade Sertaneja"
Cidade de Bauru, Estado de São Paulo, Brasil
Transmirindo:
Data: ,
Horário de Brasília

Domingos, das 08h00 às 12h00, "SAUDADE SERTANEJA" com Tião Camargo, em cadeia com a CANAL MAIS FM de Bauru

Seguidores

segunda-feira, 26 de outubro de 2009

Crepúsculo Caipira

[fotozz+lc.jpg]

Como um escurão noturno pontilhado por vaga-lumes, vai a vastidão da vida de um ser sensível aos males que o cerca abrindo covas em seu peito de onde brotam lágrimas que inebriam seu olhar já sexagenário.

Porem, o desafio maior é conviver com a cicatriz do tempo que volta e meia ainda sangra e nos remete a cenas que sempre presentes são como chumbo a nos calar nos ombros.

Lembro-me que em uma tarde seca de setembro, ainda antes da primavera, o crepúsculo tingia de escarlate o garço horizonte, o sol parecia arrastar consigo a ultima nesga do dia, a noite chegava com a lassidão do tempo e os pássaros buscavam abrigo na restinga que sombreava os barrancos de um caminho fundo por onde descia um animal em busca do rio. Aves noturnas ensaiavam seus primeiros vôos, o breu da noite levava um curiango aos primeiros piados que alternava com uma coruja que também piando rasgava a noite e chegavam como arrulhos aos ouvidos de um labrego que, da soleira do seu beira chão, assistia ao inexorável envolver noturno que mal deixava ver uma figueira solitária e carrancuda, lindeira a um corredor onde todas as manhãs uma procissão camponesa esgueirava pelo barranco fugindo dos capins ornados por perolas de orvalho.

Há também uma velha paineirona de tronco pedregoso cujos espinhos eram como cornijas ali depositados pelo tempo para embelezar tão portentoso caule que a quase meio século ostenta uma enorme copa onde um galho seco aponta para o poente fitando o pôr do sol, é nessas arvores que residem toda a prosa , poesia ,sentimento de saudades, todo o credo, crença, fé e a própria alma de um caboclo...

Lazaro Carneiro.(14) 32042710, 91165354 lazaro.carneiro@yahoo.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário